Uma recente matéria publicada no site Yahoo britânico elegeu o fashionista brasileiro, Israel Cassol como influenciador de gênero mais velho na web.

Nos últimos anos, ele está provando que a paixão pelo mundo da moda não tem idade e vem colecionando seguidores na internet ao revelar o estilo andrógino e incentivar homens a usar roupas femininas em seus looks, como saias, bolsas e lenços estampados.

Sempre focado no universo fashion desde a juventude – Israel foi dono de uma agência de modelos em Londres, modelou para campanhas e foi até ator em filmes internacionais – ele confessa que só está ganhando fama na moda próximo aos 40. Ele relata preconceito de idade na época.

“Quando fechei minha agência de modelos e decidi entrar de corpo e alma na carreira de influencer em 2019, as pessoas falaram na minha cara que eu era muito velho e que deveria deixar para os mais jovens. Eu fiquei com tanta raiva, respirei e segui os meus sonhos. Nos eventos em Londres, eu via um preconceito também quando eu chegava. As pessoas não acreditavam que eu poderia dar certo nesta carreira. E graças a Deus estou chegando lá”, declara.

Israel comenta que, ao contrário do que muitos pensam, o senso para moda pode ficar mais aguçado com o avanço da idade pelo amadurecimento e por não se importar pelo o que os outros dizem. “Eu tento mostrar com meu estilo, com meus vídeos e com o programa que apresento, que elas podem se vestir como elas quiserem. Pode ser com peças femininas e masculinas ou misturar tudo”.

Israel enfatiza que a moda feminina para homens chegou para ficar, e que fica feliz quando recebe mensagens dizendo que ele ajudou muitos a assumirem essa vontade de usar uma saia, por exemplo. “Harry Styles na capa da Vogue usando vestido foi, para mim, o presente de final de ano. Também ter alguém como ele que se veste com peças femininas é muito importante para que outras pessoas “saem do armário” e comecem a se vestir como elas quiseram sem ter medo no que as outras pessoas vão dizer”.

Com a popularidade aumentando na web entre jovens, adultos e mais velhos, Israel se dedica 100% no seu trabalho na internet para influenciar outras pessoas a se sentirem bem com o que querem vestir e ser. “Sou dedicado 24hrs por dia, faço conteúdo de qualidade e não dou bola para os comentários negativos”.
“Precisamos ser mais livres neste novo ano que começa, então começamos com nossos looks mais fortes e coloridos”.

Em seu programa Empire Style, exibido todo o sábado, na Band, Israel também entrevista brasileiros em Londres que tiveram um sonho e realizaram. “É isso que eu quero passar para as gerações mais jovens. Seja com meu estilo ou com as minhas mensagens, elas se inspiram e tem vontade de vencer”.